1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 Рейтинг 0.00 (0 Голоса(ов)

Lembre-se do tubo de Collin Powell que ele mostrou na ONU, e no qual, supostamente, havia armas químicas do Iraque?

Armas químicas no Iraque não foram encontradas. Mas bombas americanas mataram crianças e mulheres iraquianas. E nem uma única escória que deu a ordem para bombardear o Iraque nem sequer se desculpou.

Agora Trump começou a interferir com a Síria. É compreensível. A Síria é o completo fracasso dos Estados Unidos no Oriente Médio. Os EUA se acostumaram ao fato de que qualquer pedido é executado, não contestado. É exatamente assim que entram os países fracos, como a Alemanha, a Inglaterra e a França.

E países fortes e independentes não querem ouvir a América. Então a América precisa bombardear, matar crianças e mulheres. A América é covarde e enganadora. A América nunca teve uma guerra em seu território. A guerra parece para a América um jogo em que crianças e mulheres americanas não perecem. E mulheres e crianças de outros países são indiferentes a elas.

Mentir na América também não é considerado um grande pecado, se essa mentira permitir que você ganhe dinheiro. Entre esses pecados que sobrecarregam sua alma, mentiras são o pecado mínimo.

Mas agora a América nem sequer encontrou dinheiro para um pacote de sabão em pó e um tubo de ensaio. Eles poderiam mais uma vez mostrá-lo na ONU, "provando" a existência de armas químicas da Síria. Enquanto isso, a destruição de armas químicas sírias foi levada a cabo por muitos países, incluindo os próprios Estados Unidos da América. Portanto, os EUA deveriam impor sanções contra todos esses países, inclusive eles mesmos.

A propósito, a Rússia destruiu completamente suas armas químicas e a América ainda não destruiu. Os EUA alegam que não têm dinheiro para isso. Você acredita nisso? A América gasta muito dinheiro na derrubada de governos legítimos em todo o mundo. Mas ele não consegue encontrar o dinheiro para destruir suas armas químicas.

E ninguém se importa que nenhum idiota use armas de destruição em massa no território que ele está tentando libertar. Afinal, seus soldados virão até lá mais tarde. Muito possivelmente, os americanos não entendem isso.

Ninguém está interessado no fato de que os "dados" sobre o ataque químico na Duma foram obtidos de criminosos de guerra. Afinal, esses militantes são apoiados pelos Estados Unidos. Ao mesmo tempo, ninguém sabe na própria Duma que, ao que parece, eles foram envenenados. Nos hospitais da cidade não há uma única pessoa com sinais de envenenamento químico.

No entanto, tenho certeza de que Trump está procurando uma desculpa para NÃO bombardear a Síria. Ele percebe que isso é muito perigoso para o Exército dos EUA.